Carregando.
Aguarde.

menu

Últimas Postagens

Alckmin garante repasse do orçamento da FAPESPAgência FAPESP – O orçamento da FAPESP continuará a ser repassado integralmente pelo Governo do Estado de São Paulo, no valor correspondente a 1% da arrecadação tributária estadual determinado pela Constituição paulista.A afirmação foi feita pelo governador Geraldo Alckmin em entrevista ao Estado de S. Paulo. “O 1% da FAPESP está garantido”, disse.A notícia lembra que uma emenda parlamentar aprovada na votação da Lei Orçamentária de 2017, em 22 de dezembro, na Assembleia Legislativa de São Paulo, “transferiu R$ 120 milhões do orçamento da FAPESP para o orçamento da Secretaria de Desenvolvimento Econômico, C...LEIA MAIS +

O Acadêmico Jorge Kalil foi demitido da presidência do Instituto ButantanSão Paulo, 22 de fevereiro de 2017. SBPC-045/carta conjunta   Excelentíssimo Senhor Governador GERALDO ALCKMIN Governo do Estado de São Paulo São Paulo, SP.   Senhor Governador,   Soubemos pela imprensa que o Prof. Jorge Kalil foi demitido da presidência do Instituto Butantan, onde vinha realizando um excelente trabalho de reestruturação, com reconhecimento nacional e internacional.   Entendemos a complexidade do assunto, mas consideramos fundamental que instituição de tamanha importância seja gerida por pessoas da mais alta competência científica, apoiada...LEIA MAIS +

Carta da ACIESP sobre o Repasse de Um por Cento no primeiro duodécimo de 2017.A ACIESP teve acesso ao texto de repasse do primeiro duodéciomo feito pelo governo do Estado de São Paulo à FAPESP. O texto diz simplesmente que o repasse está sendo feito de acordo com o artigo 271 e é equivalente a 1% da arrecadação. Não há quaisquer exigências ou imposições. Portanto, o que vigora é que a FAPESP irá decidir sobre o que será feito com todo o dinheiro, como tem sido feito ao longo de toda a sua história. Portento, não há qualquer indício que o repasse completo tenha incluído alguma concessão especial ou complementação, mas simplesmente que o Governador respeitou, com bom senso, a Constitui...LEIA MAIS +

Arquivo de Notícias

Estudo revela novo mecanismo de regulação da expressão gênica pelo tecido adiposoKarina Toledo | Agência FAPESP –Um estudo apoiado pela FAPESP e publicado hoje (15/02) na revista Nature revelou que o tecido adiposo secreta pequenas moléculas de RNA que caem na circulação sanguínea e regulam, em tecidos distantes como o fígado, a expressão de genes importantes para o metabolismo.Experimentos com camundongos mostraram que com o envelhecimento a produção desses microRNAs no tecido adiposo tende a diminuir – fenômeno que, segundo os autores, parece estar associado ao desenvolvimento de doenças comuns em idosos, como diabetes. A descoberta abre caminho para o desenvolvi...LEIA MAIS +

Dieta materna influencia reprogramação do DNA do fetoPesquisa confirma ação de dieta materna sobre função genética do filho relacionada a doenças cardiovasculares e diabeteRita Stella, de Ribeirão PretoToda gestante deve receber alimentação rica em ácido fólico para prevenir anencefalia e diferentes graus de deficiência mental no futuro bebê. Mas de que maneira essa vitamina atua sobre o DNA e define o funcionamento dos genes no organismo em gestação?A busca de respostas para a questão fez a equipe do Setor de Nutrologia da Faculdade de Medicina de Ribeirão Preto (FMRP) da USP estudar a ação do ácido fólico em genes ligados a doenças cardiovasculares e diabetes mellit...LEIA MAIS +

Dados do BIOTA embasam norma para restauração ambiental em São PauloKarina Toledo  |  Agência FAPESP – Com base em dados científicos produzidos no âmbito do Programa BIOTA-FAPESP, a Secretaria de Meio Ambiente (SMA) do Estado de São Paulo publicou, em 18 de janeiro, a Resolução SMA Nº 7. Este é o 17º instrumento legal, entre leis, decretos e resoluções, que cita nominalmente o Programa.A norma estabelece critérios para a “compensação ambiental de áreas objeto de pedido de autorização para supressão de vegetação nativa, corte de árvores isoladas e para intervenções em Áreas de Preservação Permanente (APPs)” – regulamentando, no Estado de São Paulo, as dir...LEIA MAIS +

Acadêmico José Goldemberg recebe título de professor emérito da USPAgência FAPESP – A Universidade de São Paulo (USP) outorgou na terça-feira (14/02) o título de professor emérito ao professor e ex-reitor da universidade, José Goldemberg, presidente da FAPESP. A cerimônia ocorreu no Palácio dos Bandeirantes, sede do governo paulista, e contou com a presença do governador Geraldo Alckmin, de secretários de estado, dos ex-presidentes da FAPESP Carlos Vogt e Celso Lafer – professor emérito da USP também representando o ex-presidente Fernando Henrique Cardoso –, do reitor da Universidade Estadual Paulista (Unesp), Sandro Roberto Valentini, de diretores e conselheiros da FAPESP, além de profe...LEIA MAIS +

APESP disponibiliza mais R$ 15 milhões para projetos inovadores de pequenas empresasA FAPESP disponibilizou R$ 15 milhões para apoiar ideias inovadoras apresentadas por pequenas empresas com até 250 empregados sediadas no Estado de São Paulo, no âmbito do 2º Ciclo da Análises de 2017 do Programa Pesquisa Inovativa em Pequenas Empresas (PIPE). O prazo para a submissão de propostas encerra em 2 de maio. Os projetos selecionados serão anunciados em 31 de agosto.As empresas interessadas devem apresentar projetos de pesquisa que podem ser desenvolvidos em duas etapas. Na Fase 1, a FAPESP apoiará com até R$ 200 mil projetos que contemplem a demonstração da viabilidade tecnológica de um produto ou processo, com duraç...LEIA MAIS +

Pequenas empresas paulistas desenvolvem novas estratégias de combate ao vírus ZikaElton Alisson  |  Agência FAPESP – As estratégias de combate ao vírus Zika e ao mosquito Aedes aegypti devem ganhar reforços nos próximos meses. Um grupo de seis pequenas empresas paulistas desenvolverá, com apoio da FAPESP e da Financiadora de Estudos e Projetos (Finep), repelentes à base de novos compostos naturais e armadilhas para captura do Aedes, entre outras soluções, a fim de aumentar as barreiras contra o vetor da Zika, dengue, chikungunya e da febre amarela.Leia a reportagem completa em: http://agencia.fapesp.br/pequenas_empresas_paulistas_desenvolvem_novas_estrategias_de_combate_ao...LEIA MAIS +

Nanopartícula inorgânica mostra potencial para ser usada como carreador de fármacoKarina Toledo  |  Agência FAPESP – Os hidróxidos duplos lamelares (HDLs) são nanopartículas inorgânicas formadas por camadas sobrepostas de elementos como magnésio, ferro e alumínio. Estudos recentes têm sugerido que esse tipo de material, também conhecido como argila aniônica ou composto do tipo hidrotalcita, pode ser usado como carreador de fármacos.Com apoio da FAPESP, pesquisadores da Universidade de São Paulo (USP) e da Universidade Federal de São Paulo (Unifesp) testaram em ratos a biocompatibilidade de implantes contendo HDL. Análises feitas ao longo dos 30 dias seguintes ao procedimento cirúrgi...LEIA MAIS +

Exoesqueleto têxtil auxilia indivíduos a caminharem com mais eficiênciaVestimenta robótica foi desenvolvida para fins militares e pessoas com mobilidade reduzidaRODRIGO DE OLIVEIRA ANDRADEUm exoesqueleto robótico flexível concebido por um grupo internacional de pesquisadores, entre eles a fisioterapeuta Denise Martineli Rossi, da Faculdade de Medicina de Ribeirão Preto da Universidade de São Paulo (FMRP-USP), obteve bons resultados em testes, auxiliando indivíduos a caminharem gastando menos energia e produzindo menos força na articulação dos tornozelos e do quadril.Leia a reportagem completa em: http://revistapesquisa.fapesp.br/2017/02/07/exoesqueleto-textil-auxilia-individuos-a-caminharem-com-ma...LEIA MAIS +

Não há nível de desmatamento seguro para o clima na AmazôniaDestruição da floresta interfere no transporte da umidade entre o oceano e o continente, alterando chuvasPor Júlio BernardesA interação entre a biosfera e a atmosfera na Amazônia é muito complexa para permitir uma estimativa segura de um nível de desmatamento que não interfira no clima da América do Sul. A conclusão é de um estudo internacional com a participação do Instituto de Física (IF) da USP. Os pesquisadores comprovaram, por meio de fórmulas matemáticas, que a destruição da floresta nativa tem efeito negativo no transporte da umidade entre o oceano e o continente, alterando a quantidade de chuvas na região dest...LEIA MAIS +

Pesquisadores obtêm condensado de Bose-Einstein com o composto cloreto de níquelJosé Tadeu Arantes | Agência FAPESP – O condensado de Bose-Einstein – muitas vezes referido como o “quinto estado da matéria” [sendo os quatro primeiros o sólido, o líquido, o gasoso e o plasma] – é obtido quando um conjunto de átomos tem sua temperatura resfriada quase ao zero absoluto. Nessas condições, os átomos já não possuem energia livre para se movimentarem uns em relação aos outros, e alguns tipos de partículas, denominadas bósons, passam a compartilhar os mesmos estados quânticos, tornando-se portanto indistinguíveis. Assim, obedecem à chamada estatística de Bose-Einstein, aplicada a partículas idêntic...LEIA MAIS +