Carregando.
Aguarde.

menu

(11) 3091-4464

[email protected]

05/09/2016

HomeNoticiasQuímica nas Olimpíadas
HomeNoticiasQuímica nas Olimpíadas
Química nas Olimpíadas

Química nas Olimpíadas

QUÍMICA NAS OLIMPÍADAS é tema da Olimpíada de Química do Estado de São Paulo, lançada ontem

Foi lançada ontem, 1º de setembro de 2016, mais uma Olimpíada de Química do Estado de São Paulo para estudantes de ensino médio, a OQSP-2017, tendo como tema: "QUÍMICA NAS OLIMPÍADAS". 

NAllChemy estudantes e professores encontrarão: Convite, Regulamento, Ficha de Inscrição, Calendário e Orientação para a elaboração da redação sobre o tema. Mais de 3 mil escolas paulistas públicas e privadasreceberão, pelo correio, exemplares impressos do cartaz e do folder. Os professores terão até 21 de novembro para selecionar em suas classes e inscrever na OQSP as 4 melhores redações de cada escola.

Em março de 2017 a Comissão Julgadora das Redações (composta por mais de 60 doutores em química) anunciará os 100 autores de redações que farão a prova da Fase Final em 10 de junho de 2017, no IQ-USP. Nessa fase também competirão pelos R$6 mil em prêmios, 50 medalhas e 50 vagas naOlimpíada Brasileira de Química, os 40 melhores "treineiros" de FUVEST (Exatas e Biológicas), 4 vencedores da Olimpíada Regional de Química(USP-Ribeirão Preto) e 8 do Torneio Virtual de Química (IQ-Unicamp). 

Em 27 de agosto passado cerca de mil estudantes vencedores de olimpíadas estaduais participaram da prova da Fase III da Olimpíada Brasileira de Química. Em São Paulo a prova foi aplicada no IQ-USP e boa parte dos vencedores daOQSP-2016 havia reforçado sua preparação entre 27 de junho a 02 de julho na  6ª Escola Olímpica de Química

Três provas adicionais da OBQ reduzirão o número de competidores aos quatro que formarão a delegação brasileira para a 49th International Chemistry Olympiad(julho/2017,Nakhon Pathom, Tailândia). Não será fácil superar a delegação brasileira de 2016, que estabeleceu o melhor resultado já alcançado pelo Brasil numa IChO, qual seja a 17º colocação entre 80 países, com as medalhas de pratado Vitor G. Pires e do Pedro Seber e Silva e as de bronze do Gabriel F. G. Amgarten e do Davi O. Aragão, fato bastante noticiada há um mês (p.ex.,GloboVejaAcad. Brasil. de CiênciasSBQPortal BrasilUOLO DiaFolha de São Paulo, etc.) 

A expectativa agora é de que essa mesma delegação traga medalhas de ouro d21ª Olimpíada Ibero-americana de Química (Bogotá, Colômbia, 18-25/10/2016). Mas antes disso, no dia 17 de setembroserá a vez de milhares de alunos das últimas séries do ensino fundamental, selecionados em suas escolas entre dezenas de milhares de participantes, fazerem a prova nacional da Olimpíada Brasileira de Química Júnior.  No Estado de São Paulo, o mais frequentado dos diversos locais de aplicação da prova deverá ser, novamente, o IQ-USP.

 __________________________________________
A Olimpíada de Química do Estado de São Paulo é promovida desde 1997 pela Associação Brasileira de Química – Regional São Paulo, realizada por uma equipe de 65 Profs. Doutores em Química sob coordenação do
 Prof. Dr. Ivano G. R. Gutz e tendo como patrocinadores atuais: ABICLOR, Associquim/Sincoquim, BASF, BRASKEM, Clariant, CRQ-4ª Região, DOW e Univ. Presb. MACKENZIE. Conta também com o apoio do Instituto de Química da USP, da FUVEST e da Academia de Ciências do Estado de São Paulo. Para descadastrar-se ou cadastrar escolas e colegas nesta lista, escreva para [email protected].

Voltar