Carregando.
Aguarde.

menu

(11) 3091-4464

[email protected]

04/06/2018

HomeNoticiasProcesso para tingimento de tecidos de poliéster reduz uso de corante pela metade
HomeNoticiasProcesso para tingimento de tecidos de poliéster reduz uso de corante pela metade
Processo para tingimento de tecidos de poliéster reduz uso de corante pela metade

Processo para tingimento de tecidos de poliéster reduz uso de corante pela metade

Novo tratamento poderia cortar custos e reduzir o impacto ambiental causado pela indústria têxtil

TEXTO

IGNACIO AMIGO | LABJOR | ESPECIAL PARA O JU

 FOTOS

ANTONINHO PERRI

EDIÇÃO DE IMAGEM

LUIS PAULO SILVA

O poliéster é o tecido sintético mais utilizado no mundo. De baixo custo e grande versatilidade, ele apresenta muitas vantagens, sendo um tecido resistente a rugas, fácil de lavar e de alta durabilidade. Mas, apesar das vantagens, o poliéster tem um importante problema. Devido à sua baixa capacidade para interagir com moléculas de água, o processo de tingimento requer altas temperaturas e grandes concentrações de corante. Mas, de acordo com os resultados obtidos por José Geraldo De Carvalho durante a sua tese desenvolvida no Departamento de Engenharia de Materiais e Bioprocessos da Faculdade de Engenharia Química (FEQ) da Unicamp, é possível aumentar a eficiência do tingimento do poliéster submetendo previamente o tecido a um processo chamado ‘tratamento corona’.

 

Leia a reportagem completa em: https://www.unicamp.br/unicamp/ju/noticias/2018/06/04/processo-para-tingimento-de-tecidos-de-poliester-reduz-uso-de-corante-pela

 

Voltar